publicidadespot_img
terça-feira, agosto 16, 2022

Ato na USP reúne migrantes, pesquisadores e militantes em defesa dos refugiados

Nesta sexta-feira, a partir das 18h, a FFLCH (Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas) da USP promove um ato público em defesa dos refugiados.

O encontro vai reunir imigrantes, refugiados, pesquisadores e militantes da causa migratória. Além da situação na Europa, o ato também pede mudanças no cenário nacional, em repúdio a atos de xenofobia recentes – como em Santa Maria (RS), onde um imigrante senegalês foi queimado.

Clique aqui para acessar o evento

As pautas são:

– Em defesa dos refugiados da África e do Oriente Médio na Europa
– Basta de mortes
– Que o Brasil acolha refugiados, garantindo suas condições de transporte
– Contra toda discriminação aos imigrantes haitianos e bolivianos
– Basta de assassinatos no Brasil

Ato na USP lembra migrantes que se arriscam para chegar à Europa. Crédito: Marina Militare
Ato na USP lembra migrantes que se arriscam para chegar à Europa.
Crédito: Marina Militare

Participam do ato:

Eduardo M. Suplicy
Pe. Paolo Parisi
Davi Guarani
Jayme Brener
Jorge Luiz Souto Maior
Priscila Pedrosa Prisco
Salomão Shecaira
Gilberto Bercovici
Paulo Rizzo
Marcelo Haydu
Talal al-Tinawi
Sean Purdy
Arlene Clemesha
Deisy Ventura
Soraya Misleh
Fedo
Mohamad El Kadri
Mariza Bertoli
Valério Arcary
José Arbex
Amelinha Teles
José Farhat
Mauro Puerro
Antonio Espinosa
Lúcio Flávio Rodrigues de Almeida
Otaviano Helene

Coordenação: Osvaldo Coggiola

Ato pelos refugiados na Europa e no Mediterrâneo
Data e hora: 25 de setembro, a partir das 18 h
Local: Auditório Nicolau Sevcenko, Departamento de História (USP)
Av. Prof. Luciano Gualberto, 315 – Cidade Universitária – São Paulo (SP)
Entrada: livre
Informações: evento no Facebook

- Advertisement -spot_img
- publicidade -

Últimas Noticías