Brasil recebe mostra de cinema relacionada à temática dos refugiados; veja programação

0
19
Cena do filme Eu Estou com a Noiva, que faz parte da mostra Olhares Sobre o Refúgio

Mostra “Olhares sobre o Refúgio” faz parte dos eventos organizados no Brasil por conta do Dia Mundial do Refugiado; entrada é gratuita

Por Rodrigo Borges Delfim
De São Paulo (SP)

Cidades brasileiras estão recebendo a mostra “Olhares sobre o Refúgio”, com produções do Brasil e de outros países focadas na questão dos refugiados. A entrada para todos os filmes é gratuita.

A programação faz parte dos eventos promovidos pelo Alto Comissariado da ONU para Refugiados (ACNUR) por conta do Dia Mundial do Refugiado, lembrado anualmente em 20 de junho.

Realizada pelo ACNUR, a mostra de filmes “Olhares sobre o Refúgio” trará aos cinemas de cinco cidades diferentes perspectivas sobre a temática do refúgio.
Crédito: : Sebastian Rich/ACNUR

A mostra já passou por Curitiba (entre os dias 1 e 4 de junho), está em curso no Rio de Janeiro (começou no dia 4 e vai até dia 11) e estreia nesta quinta-feira (08) em Porto Alegre. As próximas cidades a receber o evento são Brasília (somente no dia 17) e São Paulo (de 22 a 27 de junho), fechando a programação.

Veja a programação da mostra Olhares sobre o Refúgio, por cidade

Porto Alegre:
Período: de 08 a 11 de junho, sempre às 19hs
Local: Cinemateca Paulo Amorim, Casa de Cultura Mario Quintana (Rua dos Andradas, 736)

· 08/06: “Bem-Vindo ao Canadá”

· 09/06: “Estou com a Noiva”

· 10/06: “Exodus: de onde eu vim não existe mais”

· 11/06: “Era o Hotel Cambridge”

 

Rio de Janeiro:
Período: dias 06, 13, 20 e 27 de junho, sempre às 19hs
Local: Oi Futuro (Rua Dois de Dezembro, 63, Flamengo)

· 06/06: “Bem-Vindo ao Canadá” e “Exodus: de onde eu vim não existe mais”

· 13/06: “Era o Hotel Cambridge”

· 20/06: “Estou com a Noiva”

· 27/06: “A Casa de Lúcia”

Cena do filme Eu Estou com a Noiva, que faz parte da mostra Olhares Sobre o Refúgio

Brasília:
Período: somente em 17 de junho (a partir das 14hs)
Local: Museu da República (Setor Cultural Sul)

14hs: Abertura

· 17/06: “Bem-vindo ao Canadá” (15:30hs)

· 17/06: “Era o Hotel Cambridge” (16:30hs)

· 17/06: “Estou com a Noiva” (18:30hs)

· 17/06: “Exodus: de onde eu vim não existe mais” (20:15hs)

 

São Paulo:
Período: de 22 a 27 de junho, sempre às 19hs
Local: CineSesc (Rua Augusta, 2.075)

· 22/06: “Bem Vindo ao Canadá”

· 23/06: “Estou com a Noiva”

· 24/06: “Exodus: de onde eu vim não existe mais”

· 25/06: “A Casa de Lúcia”

· 26/06: “Terra Firme” (apenas em São Paulo)

· 27/06: “O Pacote Completo” (apenas em São Paulo)

 

Veja sinopses dos filmes em cartaz na mostra “Olhares sobre o Refúgio”

“Bem-vindo ao Canadá” (Canadá, 2016)
Curta metragem fala da história de um jovem refugiado sírio que vive naquele país e ajuda outros refugiados recém-chegados a reconstruírem suas vidas.

“Casa de Lúcia” (Brasil, 2017)
Documentário retrata a inesperada viagem de uma refugiada síria que vive no Brasil ao Kuwait, onde ela reencontra seus familiares e evidencia a dificuldade de retornar para um local ao qual já não pertence mais.

“Era o Hotel Cambridge” (Brasil, 2017)
Ficção documental dirigida por Eliane Caffé, debate os dilemas da moradia para populações vulneráveis – inclusive refugiados – nos grandes centros urbanos. Produção já foi exibida em circuito comercial no Brasil.

“Estou com a Noiva” (Itália/Palestina, 2014)
Produção ítalo-palestina dirigida por Antonio Augugliaro, Gabriele Del Grande e Khaled Soliman Al Nassiry mostra a saga de refugiados numa viagem de 3.000 quilômetros entre Milão (Itália) e Estocolmo (Suécia), tendo como pano de fundo um casamento fictício

“Exodus – De Onde Vim Não Existe Mais” (Brasil/Alemanha, 2016)
O documentário revela a história de seis pessoas refugiadas que buscam reconstruir suas vidas em desafiadoras circunstâncias, inclusive no Brasil.

Cena do filme Exodus, que faz parte da mostra Olhares Sobre o Refúgio

 

Veja lista com mais de 80 documentários e filmes relacionados direta ou indiretamente com migrações, refugiados e deslocamentos em geral

 

Sobre o Dia Mundial do Refugiado

O Dia Mundial do Refugiado é uma homenagem à resistência e perseverança de milhões de pessoas que foram forçadas a deixar seus locais de origem por causa de guerras e perseguições, buscando em outro país a proteção necessária para reconstruir suas vidas. Em todo o mundo, existem mais de 65 milhões de pessoas forçadas a se deslocar por diferentes tipos de conflitos, sendo que 21,3 milhões são reconhecidas como refugiados.

Além da mostra de cinema, as celebrações do Dia Mundial do Refugiado no Brasil terão seminários, exposições, divulgação de estatísticas globais sobre a refúgio no mundo e feiras culturais e gastronômicas – sempre com a participação de refugiados que vivem no país.

Segundo dados do Comitê Nacional para Refugiados (CONARE), vivem atualmente no Brasil cerca de 10 mil pessoas reconhecidas como refugiadas, de diferentes nacionalidades, sendo a maioria proveniente da Síria, Colômbia e República Democrática do Congo.

Com informações do ACNUR

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.