publicidadespot_img
sexta-feira, janeiro 27, 2023

Coletivo de mulheres migrantes lança coleção de livros infantis sobre migração

Coleção bilíngue "De cá, lá e acolá" foi escrita por integrantes da Equipe de Base Warmis - Convergência de Culturas e visa contribuir com uma educação infantil mais inclusiva e para o combate à xenofobia

Por Lívia Major
Atualizado às 22h15 de 25.nov.2022

“A lhama é muito nobre e inteligente. Ela só vai em frente e ajuda se falam e a tratam com carinho; senão, deita no chão em sinal de tristeza e não caminha mais”, explica Bruna, uma das personagens dos contos de “De cá, lá e acolá”. A coleção, composta por cinco livros, é um lançamento da Equipe de Base Warmis – Convergência das Culturas, coletivo formado por mulheres migrantes e e filhas de migrantes, em parceria com a Saíra Editorial.

Os livros abordam a experiência intercultural de crianças migrantes no Brasil por meio de temas como refúgio, linguística, diversidade, gastronomia, gênero, raça e etnia. A peruana Sandra Morales, uma das autoras, conta que a ideia surgiu a partir de uma demanda das próprias escritoras.

“Como mães, todas nós já passamos por algum tipo de experiência discriminatória ou incômoda. Por exemplo, quando um filho fala com sotaque e outra criança estranha… Junto a esses questionamentos que surgiram da nossa própria maternidade, sentíamos falta de ter livros infantis para trabalharmos estes temas desde cedo, e não somente na Academia, quando a criança já tivesse passado por um monte de coisas”, explicou.

Durante a pandemia, as Warmis foram procuradas pela equipe editorial da Saíra com uma proposta cativante: “Queriam que contássemos as nossas histórias a partir de uma perspectiva que ajudasse crianças migrantes e não migrantes a entender que o mundo é multifacetado e que essa troca intercultural é extremamente positiva”, recordou Sandra.

No total, cinco mulheres aceitaram a empreitada (Sam Serrano, Jobana Moya Aramayo, Andrea Carabantes, Sandra Morales e Lida Bejarano) e dedicaram meses pensando em como transmitir mensagens tão importantes. As ilustradoras também são mulheres migrantes ou filhas de migrantes.

Sandra explicou que o maior desafio era escrever de forma simples, para que as crianças pudessem se conectar com as histórias.“Trabalhamos em conjunto de forma que todos os livros atravessassem questões como gênero, refúgio… Mas também individualmente, já que todas nós tivemos muita liberdade para escrevermos as histórias. No meu caso, por exemplo, o público alvo são crianças de quatro a cinco anos e eu falo sobre o Peru, a gastronomia do meu país e questões de diversidade”.

Por uma educação mais inclusiva e sem xenofobia

Os livros são bilíngues (escritos em português e espanhol). Para as autoras, desta forma as crianças migrantes poderão se identificar e sentir-se orgulhosas por lerem contos no idioma materno. Ao mesmo tempo, crianças não migrantes poderão entrar em contato com o espanhol e aprender a valorizar o diferente.

Com essa coleção, a expectativa da Equipe de Base Warmis é por uma contribuição para melhorar a educação infantil, tanto no setor público como privado, uma vez que muitos educadores carecem de material didático para abordar essas temáticas com os alunos.

“É um grão de areia para lutar contra a xenofobia e outros tipos de discriminação, mas sei que esses livros vão ajudar a discutir a importância da valorização cultural, a entender a migração como direito humano e a respeitar a convivência com a diferença”, completou Sandra.

Além da coleção de livros, a Equipe de Base Warmis tem uma longa trajetória de atuação em prol da luta por direitos para a população migrante, especialmente a feminina. Isso inclui, entre outras mobilizações, o combate à violência obstétrica e a defesa de projetos de lei de regularização migratória.

Lançamento e comercialização

A coleção “De cá, lá e acolá” será lançada no dia 4 de dezembro, às 14h, na sede da editora Saíra, que fica no bairro da Saúde, zona sul de São Paulo – Rua Doutor Samuel Porto, 396.

Após o lançamento, a coleção será distribuída pelo mercado poderá ser adquirida em livrarias e sites de comércio eletrônico. Também será possível encomendar exemplares dos livros diretamente junto à Saíra Editorial, a partir de 5 de dezembro.

7 COMENTÁRIOS

  1. Otima ideia! A colecao dos livros estara disponivel para comprar em livrarias? Nao vi essa informacao no texto!

    • Olá Anita, acabamos de atualizar o texto com essa informação. Após o evento de lançamento, os livros poderão ser comprados junto à editora e também serão comercializados junto a livrarias e sites de e-commerce.

    • Melhor checar com a editora responsáavel pelo livro. De qualquer forma, deve ficar disponível a partir do lançamento, em 4.dez

  2. Estou fascinada poe esta coleção. Quero ter e ler ests livros tão logo sejam lançados
    Parabéns efusivos às autoras!!!

Comentários estão desabilitados

Publicidade

Últimas Noticías