publicidadespot_img
segunda-feira, fevereiro 26, 2024

Governo federal lança Carteira Digital do Migrante; usuários relatam dificuldades

O anúncio da Carteira Digital do Migrante foi feito durante a abertura da Semana Nacional de Discussões sobre Migração, Refúgio e Apatridia

Migrantes residentes no Brasil agora podem ter acesso a uma versão digital da Carteira de Registro Nacional Migratório (CRNM), ou simplesmente Carteira Digital do Migrante. O anúncio foi feito na última terça-feira (20), durante a abertura da Semana Nacional de Discussões sobre Migração, Refúgio e Apatridia, em Brasília.

O aplicativo já está disponível na Play Store e App Store, bastando pesquisar por “Carteira Digital do Migrante”.

O documento permite que migrantes e solicitantes de refúgio utilizem a versão digital do seu documento, que terá a mesma validade da versão física. Ou seja, a carteira digital poderá servir como comprovação de identidade para qualquer serviço, como abrir uma conta bancária ou receber atendimento hospitalar.

Simulação mostra digitalização da Carteira de Registro Nacional Migratório (CRNM) no aplicativo.

Vantagens da carteira digital do migrante

A carteira é gratuita e não há necessidade de certificação em cartório. O recurso está disponível para todos os migrantes que possuem o documento físico emitido a partir de 13 de maio de 2020.

O software conta com alguns mecanismos para garantir segurança e praticidade ao usuário, como reconhecimento facial, validação da carteira por QR code, login com senha biométrica ou biometria. No entanto, só pode ser usada em um único dispositivo.

Segundo Rodrigo Teixeira, diretor de Polícia Administrativa da Polícia Federal, a carteira digital do migrante é uma importante conquista, pois irá facilitar o acesso destes aos seus próprios documentos. Contudo, ele reconhece que ainda há muito a se avançar no processo de integração local.

“Nós queremos tentar dar um pouco de dignidade, de esperança para aquele imigrante que está chegando, para aquele refugiado, principalmente, que está entrando no território brasileiro. Os desafios são gigantes, não basta só a Polícia Federal e a carteira digital. O trabalho é de todos nós”.

Avaliações de usuários

As avaliações dos usuários não tem sido positivas. Na app store, por exemplo, o aplicativo tinha nota 2,7 nesta sexta-feira (23). Usuários relatam a dificuldade do sistema em reconhecer o QR code da Carteira de Registro Nacional Migratório (CRNM). No último dia 15 de junho, o governo atualizou o aplicativo para a versão 3.0 para corrigir defeitos e melhorar a usabilidade.

Na PlayStore, até a publicação deste material, não havia registro de notas ou avaliações sobre o aplicativo.

1 COMENTÁRIO

Comentários estão desabilitados

Publicidade

Últimas Noticías