II Copa do Mundo dos Refugiados começa neste sábado em São Paulo

0
378

Sucesso de público e crítica em 2014, a Copa do Mundo dos Refugiados está de volta neste ano. Organizada pelos próprios refugiados que vivem em São Paulo, a competição vai reunir 18 seleções formadas inteiramente por refugiados e solicitantes de refúgio durante dois finais de semana (dias 1, 2 e 8 de agosto), no Centro Esportivo Ceret, na zona leste de São Paulo.

A organização dos refugiados conta com apoios da Caritas Arquidiocesana de São Paulo, Acnur (Alto Comissariado da ONU para Refugiados), Prefeitura de São Paulo, Sesc Interlagos, Colégio Jesuíta São Luis, UGT (União Geral dos Trabalhadores), Sindibast e Cruz Vermelha de São Paulo.

Veja abaixo a tabela de jogos do primeiro dia:

9h00 Haiti x Iraque
9h40 Nigéria x Burkina Faso
10h20 Guiné Bissau x Gana
11h00 Angola x Costa do Marfim
11h40 Afeganistão x Síria

13h00 Togo x Camarões
13h40 R. D. Congo x Mali
14h20 Guiné Conacri x Gâmbia
15h00 Serra Leoa x Paquistão

Copa dos Refugiados está de volta e terá sua segunda edição a partir deste sábado (01/08). Crédito: Divulgação
Copa dos Refugiados está de volta e terá sua segunda edição a partir deste sábado (01/08).
Crédito: Divulgação

Inicialmente seriam 24 times, mas algumas comunidades não conseguiram formar suas seleções a tempo para a Copa. Com isso, para evitar atrasos no evento, a organização decidiu pela realização de jogos eliminatórios – os nove vencedores de cada um passam à próxima fase e se juntarão a um décimo time, que será sorteado entre os times que perderem na primeira rodada.

As partidas prosseguirão nos dias 2 e 8 de agosto, quando acontece a grande final.

O lançamento oficial da II Copa dos Refugiados aconteceu no último dia 20 de junho, no Sesc Interlagos, aproveitando o Dia Internacional do Refugiado. Lá, além do sorteio dos grupos (que teve de ser alterado por conta da saída de alguns times), aconteceu também um amistoso entre Nigéria e Camarões, as seleções finalistas da edição de 2014.

Veja aqui como foi a Copa dos Refugiados de 2014

Organizada pelos refugiados, a Copa do Mundo dos Refugiados é uma demanda da própria comunidade que vive em São Paulo e ajuda a mostrar, por meio do esporte mais popular no Brasil e no mundo, como eles podem contribuir – e já contribuem – para a sociedade onde agora vivem. O evento também serve para ajudar a derrubar os preconceitos e estereótipos que costumam ser associados aos refugiados.

Evento ajuda a derrubar estereótipos em geral associados aos refugiados. Crédito: Divulgação
Evento ajuda a derrubar estereótipos em geral associados aos refugiados.
Crédito: Divulgação

Formas de apoio

Quem quiser ajudar financeiramente o campeonato é possível contribuir por meio dos dados bancários abaixo:

Banco Itaú
Agência: 0251
Conta Corrente: 07001-7
CNPJ: 62021308/001-70
Caritas Arquidiocesana Arquidiocese de São Paulo

Hino da Copa

Para a edição de 2014, os refugiados também prepararam um hino para a competição, gravado pelos rappers Uchen (Nigéria) e Guslarime Lobisomem (Camarões), que está disponível no YouTube – o vídeo e a letra também podem ser acompanhados abaixo:

One nation, every nation Come together as one
Tudo mundo, vamos juntos Vamos viver na razão, me dê a mão

One nation, every nation Come together as one
Tudo mundo, vamos juntos Vamos viver na razão, me dê a mão

É a copa do mundo dos refugiados A galera quer jogar e eu também estou nessa batida
Não fique calado, é tempo de gritar gol
Quem fica em frente ou atrás, vamos viver em paz
Acabamos com a discriminação Vamos fazer uma nação independente da nossa raça

Quem quer jogar é o mundo inteiro Obrigado, brasileiro
Eu e você, vamos viver em paz Briga e guerra, vamos deixar atrás
Refugiados, nós somos capaz Discriminação, não pode ser mais
Essa copa é dos refugiados Tem América, Ásia e africanos

Quem vai jogar? É o mundo inteiro
Então, obrigado Caritas e brasileiros

One nation, every nation Come together as one
Tudo mundo, vamos juntos Vamos viver na razão, me dê a mão

One nation, every nation Come together as one
Tudo mundo, vamos juntos Vamos viver na razão, me dê a mão

A vida é assim, sair da nossa terra Do nosso país, para poder viver em paz
Esquecer os problemas da guerra, da política Ser chamado de refugiado, viver sozinho num canto
Sem amigo e ter medo de tudo
Hoje tem a copa dos refugiados Vou fazer parte dessa jogada
Não preciso calar a boca Por que estou aqui a fazer gol

Stop the killing and fighting Stop the bloodshed
I’m feeling excited And it’s God’s blessing

Stop the killing of each other right now!
Stop the discrimination around!

Say no to bad governments right now!
And let’s unite as one We are one!

II Copa do Mundo dos Refugiados
Data: Dias 1, 2 e 8 de agosto de 2015, a partir das 9h
Local: Centro Esportivo Ceret – rua Canuto de Abreu, s/n – Tautapé, São Paulo (SP)
Maiores informações: relacoesexternas@caritassp.org.br

1 COMENTÁRIO

  1. Acho lindo a forca deste homem ..parabenizo voce por ser forte e corajoso de ter enfrentado tudo isto que muitos de voce enfrentarao e ainda tem sempre um sorriso no rosto

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui