Música para estreitar laços: mulheres migrantes são chamadas a tomar parte na lakita

0
83
O encontro de formação do grupo de Lakitas visa ensinar música andina para mulheres imigrantes, reincorporando e resgatando uma tradição. Crédito: Mariela Pizarro

Por Beatriz Prieto
Da Equipe de Base Warmis – Convergência das Culturas
Publicado também em Pressenza

A música como forma de gerar empatia. É essa a proposta da Equipe de Base Warmis – Convergência das Culturas ao organizar o Lakitas Sinchi Warmis: Mulheres que Sopram Ventos, projeto selecionado pelo Programa para a Valorização de Iniciativas Culturais (VAI), da Prefeitura de São Paulo. O projeto terá início em um encontro no dia 15 de maio, na Praça da Kantuta, próxima a estação de metrô Armênia, Zona Norte da capital paulista.

Voltado a mulheres imigrantes e também filhas de imigrantes, o intuito é aproximar e resgatar a cultura andina junto a suas herdeiras em São Paulo, por meio da lakita, um estilo musical próprio de comunidades espalhadas pela Cordilheira dos Andes, e que agora começará a formar raízes e a embalar a terra da garoa.

Ao ensinar mulheres a tocar os instrumentos de sopro, sendo eles a Ira e a Arca, o que se tem é, simultaneamente, o reviver de uma tradição e um empoderamento. Essa tomada de poder pelas mulheres imigrantes é explicada pelo fato de que o grupo de Lakitas era restrito a participantes do sexo masculino por causa dos papéis tradicionais das mulheres nas zonas altiplânicas, como as tarefas domésticas e o trabalho na lavoura.

Assim, ao desmistificar e ultrapassar essa imposição cultural que separa quem pode ou não pode participar, mulheres terão a oportunidade de, juntas, aprenderem a arte da música andina e se sentirem parte dela. O contato com a melodia e a interação com as participantes certamente libertará memórias afetivas das imigrantes que deixaram sua terra natal, bem como incorporará cultura nativa em filhas de imigrantes que nasceram no Brasil, mas muito pouco sabem a respeito de suas origens.

O encontro faz parte de um projeto selecionado pelo Programa para a Valorização de Iniciativas Culturais (VAI), da Prefeitura de São Paulo, e pretende, em um primeiro momento, reunir interessadas para depois ensiná-las tanto a construir os instrumentos como a tocá-los, espalhando ventos de uma identidade cultural que merece ser fortalecida e divulgada. Interessadas em fazer parte do grupo de Lakitas devem comparecer a este primeiro encontro, que tem o objetivo de reunir o grupo e introduzir o objetivo do projeto.

O que: Encontro de Formação do Grupo de Lakitas
Onde: Praça Kantuta (Rua Pedro Vicente, S/N – São Paulo), próximo ao metrô Armênia
Horário: 16 horas
Mais informações: Evento no Facebook – www.facebook.com/events/1218264331559139/
E-mail para contato – contato@warmis.org

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.