Paraguaios em São Paulo celebram festa da padroeira Virgem de Caacupé no domingo

0
759

Por Léo Ramírez
Da comunidade paraguaia em São Paulo

Neste próximo domingo (13) a comunidade paraguaia em São Paulo celebrará o dia da Virgem de Caacupé, a santa padroeira dos paraguaios. Junto à festa da independência do país, comemorada no mês de maio, a festividade reúne os imigrantes paraguaios e descendentes em um dia de grande riqueza cultural.

Conta a lenda que a Virgencita Índia de Caacupé foi promessa de um nativo guarani que estava no mato à procura de alimentos e ficou perdido quando percebeu a aproximação de um grupo de outra tribo que não aceitava ser evangelizado pelos jesuítas e considerava traiçoeiro aquele que o fazia. O nativo evangelizado, de nome José, fez um pedido à Virgem Imaculada para que o protegesse. No mesmo instante, ela aparece e diz em guarani “ka’aguy kupepe”, cuja tradução seria “atrás das ervas”, em alusão a erva mate que serve de remédios medicinais. A frase em guarani também pode ser entendida também como “atrás do mato”. José conseguiu ficar sem ser percebido atrás de um grande tronco. A salvo, ele prometeu que talharia duas imagens da Santa e assim o fez. Uma foi levada para a Igreja de Tobati, centro da tribo onde os jesuítas cristianizavam os nativos; e outra, de menor tamanho, ficou com ele para devoção pessoal. A cidade de Tobati fica a 74 km de Assunção, a capital do Paraguai.

Comunidade paraguaia em São Paulo prestigia festa da Virgem de Caacupé de 2014. Crédito: Léo Ramirez
Comunidade paraguaia em São Paulo prestigia festa da Virgem de Caacupé de 2014.
Crédito: Léo Ramirez

A Basílica está situada na cidade de Caacupé, mesmo nome da Santa, que é capital do departamento de Cordillera, a 50 km de Assunção, tornando-a centro religioso do Paraguai. No mês de dezembro, pátria e igreja se encontram na cidade, traço que ao longo da história paraguaia fez parte do processo de formação da nacionalidade. A quantidade de fiéis em 2013 ultrapassou os 2,5 milhões de pessoas, segundo o jornal paraguaio Última Hora.

Todos os anos a festa é celebrada também em São Paulo, com muita dança, poesia, culinária e o melhor das polcas e guarânias, ritmos típicos do Paraguai. Acrescenta-se a fé de todo um povo, que desde tempos imemoráveis, acreditam no Deus Tupã e Tupã Sy (Mãe de Deus em guarani), onde recorrem para agradecer ou pedir um milagre.

Festa da Virgem de Caacupé, a padroeira dos paraguaios
Data e hora: 13 de dezembro, a partir das 11h
Local: Missão Paz – Rua do Glicério, 225, Liberdade – São Paulo (SP)
Entrada: gratuita

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui