Pela 1ª vez, Brasil recebe em SP a Inti Raymi, a Festa do Sol

0
137

Uma das festividades mais importantes dos países andinos (como Bolívia, Peru e Equador) acontecerá pela primeira vez em São Paulo, neste sábado (21). É a Inti Raymi (Festa do Sol, em quéchua), que marca o solstício de inverno e o início do ano novo Inca – no mundo andino, comemora-se o ano 5.523.

Celebrado desde os tempos dos Incas, o Inti Raymi foi proibido em 1572, por ser considerada uma cerimônia pagã – o que não impedia sua realização, mesmo que na clandestinidade. Mas desde 1944 é um evento público e uma importante atração turística nos países andinos.

A tradição reza que no império Inca os nobres se consideravam filhos naturais do Sol e deviam corresponder a ele com sacrifícios e oferendas. Os povos originários viviam da agricultura e dos ritos agrícolas em devoção à mãe Terra (Pachamama) e ao pai Sol (Inti).

Jacha Sikuris de Italaqui, dança da Bolívia e uma das atrações previstas para a Inti Raymi de SP. Crédito: Divulgação
Jacha Sikuris de Italaqui, dança da Bolívia e uma das atrações previstas para a Inti Raymi de SP.
Crédito: Divulgação

A exemplo de outras festividades das comunidades latinas, como a Yunza e a Alasitas, a Inti Raymi ajuda o público brasileiro a conhecer um pouco melhor sobre a cultura de nossos vizinhos – tão rica, mas que ao mesmo tempo carece de uma melhor compreensão por aqui. Por outro lado, a inclusão da Alasitas no calendário oficial de eventos da cidade de São Paulo e o estabelecimento regular de outros eventos e celebrações latinas mostram que essa distância entre o Brasil e a América Latina começa a ficar um pouco mais curta.

O vídeo abaixo mostra ainda um pouco sobre como é a festa em Cusco, cidade peruana que tem a Inti Raymi como uma importante atração turística.

Programação Inti Raymi 2014

Manhã

6:30  até 8:30 – Representação do Inti Raymi (Roteiro Juan Cusicanki, Mario Guzman Ayala, Marba Goigochea, Hugo Fernando Vargas) aguardando o Sol, ritual e dança “Tinkus Jairas” e o grupo folclórico “Akhully ‘s”.

 Tarde

15:00 – Representação do Inti Raymi (Roteiro Juan Cusicanki, Mario Guzman Ayala, Marba Goigochea, Hugo Fernando Vargas), grupo folclórico Akhully ‘s

15:30   Grupo Qhantati Ururi Conima de Puno Peru, com a dança Sikuris

16:00   Grupo Tinkus Jairas  de Bolívia, com a dança Tinku

16:20   Wara Andino música folclórica andina

16:40   Ballet  Folclórico Boliviano com a dança Tobas

17:00   Grupo Moseños del Luribay de Bolívia com a dança Moseñada

REALIZAÇÃO:

Icujal – Instituto de Culturas e Justiça da América Latina e do Caribe

Com informações da Fundação Memorial e do Planeta América Latina

Inti Raymi, a Festa do Sol
Dia 21, sábado, a partir das 6h (manhã) e a partir das 15h (tarde)
Praça do Memorial – portões 1, 2 5, Metrô Barra Funda – São Paulo
Estacionamento: Portão 4 – preço único – R$ 10

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.