Projeto de conteúdo de empreendedorismo para imigrantes une Migraflix e Facebook

Projeto Impulsione Com Facebook, uma parceria entre a rede social e o Migraflix, fornece conteúdo gratuito sobre empreendedorismo para imigrantes no Brasil

0
66

Por Ramana Rech Duarte

Atualizado às 12h de 10.out.2020
*Diferentemente do que constava em edição anterior deste texto, o nome real do projeto é “Impulsione com Facebook”. A informação já se encontra corrigida*

O empreendedorismo por meio da cultura tem sido um elemento usado por imigrantes no Brasil como forma de inserção no mercado de trabalho. Ao mesmo tempo, alguns projetos visam ainda fornecer elementos que apoiem aqueles que apostam nesse setor.

Um deles é o projeto Impulsione Com Facebook, fruto de uma parceria entre o Facebook e o Migraflix, uma associação sem fins lucrativos que atua na área da migração, por meio do empreendedorismo cultural.

No final de setembro, foi ao ar o primeiro vídeo do projeto, intitulado “Marketing Digital no Facebook”. A ideia é que toda sexta-feira o Migraflix poste em seu portal conteúdo autoral de empreendedorismo voltado para o público migrante, trazendo temas como finanças, gestão e modelos de negócios.

O objetivo disso é auxiliar imigrantes e refugiados a abrirem e desenvolverem seus próprios negócios. A série de vídeos do projeto está prevista para se estender até março de 2021.

De acordo com dados do Portal do Empreendedor, 10.870.173 pessoas estão registradas como Microempreendedor Individual (MEI) no Brasil. Desses, 57.875 não são brasileiros. Os bolivianos representam a nacionalidade com o segundo maior número de MEI’s, com 10.031, perdendo apenas para os próprios brasileiros (10.812.298).

Empreendedorismo cultural

O Migraflix se dedica surgiu em 2015 e, desde então, busca desenvolver uma expertise no tema empreendedorismo cultural. “A gente pode ajudar os imigrantes a desenvolver um produto que complementa o mercado brasileiro”, comenta Camila Batista Pinto, vice-diretora executiva do Migragflix. “O empreendedorismo cultural pode englobar música, dança, poesia, arte. Na culinária, por exemplo, essa modalidade abre portas para um “leque de sabores de comidas”, complementa. 

Ainda em 2019 ocorreu uma primeira edição da parceria entre Migraflix e Facebook, com eventos presenciais em diversas capitais brasileiras. Contudo, com as restrições sanitárias impostas pelo novo Coronavírus (Covid-19), neste ano o projeto passou para o formato online. 

Camila ressalta a importância desse apoio ao imigrante empreendedor, especialmente durante esse período marcado pela presença da Covid-19 e seus efeitos. “A gente entra em um momento em que a pandemia pega todo mundo desprevenido. Então, essas pessoas [imigrantes e refugiados] precisam se reinventar. Elas já se reinventaram quando saíram de seus países e agora vão precisar passar por essa segunda leva de reinvenção”.

A vice-diretora aponta ainda que, embora o projeto tenha como finalidade principal os imigrantes, ele busca também abranger brasileiros, com o intuito de promover integração. Durante a pandemia, o Migraflix conseguiu um aumento do público-alvo, que passou a ser não só imigrantes externos, como também internos, ou seja, pessoas que migram dentro do Brasil. “É um olhar mais amplo do próprio conceito de migrantes”, diz Camila.


*Venha ser parte do esforço para manter o trabalho do MigraMundo! Conheça nossa campanha de financiamento recorrente e junte-se a nós: https://bit.ly/2MoZrhB

*Que tal receber notícias do MigraMundo diretamente em seu WhatsApp? Basta acessar este link e entrar em nosso grupo de distribuição de conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.