publicidadespot_img
quinta-feira, setembro 29, 2022

Série personagens: Caio Prezia, criador do portal Canadá para Brasileiros

No começo, era um blog pessoal sobre um brasileiro que acabava de se mudar para Vancouver, no Canadá. Hoje o espaço cresceu e virou tanto referência de informação para quem deseja trabalhar e estudar no país como o ganha-pão do brasileiro Caio Prezia, desenvolvedor de websites que vive no Canadá desde 2004.

Aos 33 anos, hoje ele conseguiu atingir pelo menos alguns dos seus objetivos: fixou-se em Vancouver, cidade que escolheu para viver, e a partir do blog pessoal criou o Canadá para Brasileiros, portal no qual orienta brasileiros interessados em estudar e/ou imigrar para o país. Entre os assuntos abordados abordados por Prezia no portal estão as recentes mudanças no processo de imigração canadense (clique aqui para acessar o podcast sobre o assunto).

 

Na entrevista abaixo, Prezia lista os motivos que o fizeram trocar Campinas (SP) pela cidade canadense e fala sobre a criação e retorno que recebe do Canadá para Brasileiros.

Para começar, Caio: por favor, seu nome completo, idade, local de nascimento e formação profissional.

Meu nome é Caio Prezia, 33 anos, nascido em Campinas, no interior de São Paulo. Sempre trabalhei como desenvolvedor de websites, desde quando estava no colegial. Em 2000 entrei para a faculdade de Análise de Sistema na PUC-Campinas e acabei depois largando no terceiro ano. Percebi que aquilo (a faculdade) não iria me levar a nada e eu já havia perdido o interesse completo pelo curso. Na época eu também já trabalhava como programador de sites em uma empresa de comunicação o que me proporcionava um aprendizado prático muito maior do que na faculdade. Um dos motivos que fez desistir da faculdade foi também o fato de eu querer na época sair do Brasil e vir morar aqui no Canadá. Nos últimos anos acabei me distanciando dessa da área técnica do desenvolvimento e focando mais agora na parte de negócios e marketing.

O que você fazia antes de ir para o Canadá – onde morava, com o que trabalhava, estudava, etc – e por que decidiu deixar o Brasil?

Talvez o principal motivo que me fez sair do Brasil foi a violência. Tive algumas experiências traumatizantes com isso e eu decidi que não era desta maneira que eu queria levar a minha vida e muito menos no futuro quando tivesse uma família, filhos etc. Eu me lembro quando mudamos para uma casa em Campinas e toda noite antes de dormir meu pai tinha que ligar o alarme da casa ou quando eu estava chegando em casa a noite tinha que ligar para o segurança do bairro me acompanhar para entrar na garagem e fechar os portões. Eu penso nisso hoje em dia e acho um absurdo e tenho certeza que muita gente faz isso todo dia e nem sequer percebe a loucura que é.

Infelizmente grande parte dos problemas do Brasil se tornaram parte da rotina das pessoas e elas nem percebem mais a gravidade disso.

Eu já havia viajado para os Estados Unidos e Canadá algumas vezes e durante essas viagens eu percebia que havia algo muito errado com o Brasil. A cada viagem eu voltava mais desmotivado para continuar no país e meu estilo de vida se parecia muito mais com o que eu via lá fora do aquilo que eu vivenciava no Brasil.

Eu sempre tive um interesse muito grande também em ter meu próprio negócio e eu não me via fazendo isso no Brasil.

– O que te fez optar pelo Canadá? Há quanto tempo você está no país?

Eu já tinha vindo para o Canadá a turismo por duas vezes e tive a oportunidade de ter conhecido pelo menos 15 estados dos Estados Unidos. Eu ficava meio dividido entre os dois países mas como minha intenção era sair em definitivo do Brasil, o Canadá oferecia melhores opções de imigração.

Durante a minha pesquisa quando estava planejando a minha viagem eu não descartei países como Austrália e Nova Zelândia, cheguei inclusive a pesquisar escolas nesses países mas, como eu já conhecia o Canadá, foquei mais meus objetivos nesse país. Depois de estudar inglês, fiz faculdade em Vancouver e acabei imigrando. Já faz quase uma década que eu moro em Vancouver.

Vista do harbour, Stanley Park e montanhas ao fundo em Vancouver. Crédito: Portal Canadá para Brasileiros
Vista do harbour, Stanley Park e montanhas ao fundo em Vancouver.
Crédito: Portal Canadá para Brasileiros

– Que dificuldades você encontrou (e ainda encontra, talvez) como imigrante no Canadá? E o que te ajudou a se estabelecer no país?

Eu diria que foi ficar longe da família no início (hoje em dia todos eles moram aqui em Vancouver), mas tirando isso eu não tive dificuldade alguma.

É difícil falar isso pois muita gente pode não acreditar, mas é verdade: desde o momento que eu cheguei em Vancouver eu me sentia em casa e me esforcei muito para ficar aqui em definitivo e todos os obstáculos que tive aqui não foram mais difíceis do que se estivesse no Brasil. Eu sempre tive muito apoio dos meus pais para que eu saísse do Brasil e esse suporte deles foi fundamental para que as coisas acontecessem da forma que aconteceu.

Eu me lembro quando fui para o Brasil nas férias de 2005 e estava com a passagem marcada para voltar em 30 dias. Depois de 2 semanas que estava lá resolvi remarcar minha passagem e voltar antes para Vancouver. Quando o avião aterrizou aqui, eu estava de volta em “casa” e aliviado.

O meu maior medo era ter que voltar em definitivo para o Brasil e isso ficava martelando na minha cabeça a todo momento enquanto eu era apenas um intercambista. Esse medo das coisas não darem certo aqui me dava mais força para atingir meus objetivos e passar pelos obstáculos.

Eu acreditava que falar bem o inglês seria meu maior desafio e por isso que me dediquei muito no começo para atingir um nível bom para poder entrar no mercado de trabalho. Eu tinha experiência profissional, e sabia do que era capaz, eu precisava apenas saber me expressar bem em inglês e mostrar aquilo que eu sabia.

– Esta talvez seja a pergunta de US$ 1 milhão para muitos: o que um brasileiro precisa para tentar a vida no Canadá?

Foco, determinação, estar disposto a abrir mão de muita coisa, aprender a estar sozinho (se não estiver vindo com família) e se ajustar a uma nova cultura e país. Esteja preparado para começar do zero se for preciso. A maioria das pessoas não estão preparadas para isso.

Você precisa aprender a gostar de outras coisas e entender bem das prioridades da sua vida.

Quando uma pessoa me escreve perguntando qual é o tamanho da comunidade brasileira aqui ou com medo do inverno, eu já sei que essa pessoa não vai imigrar ou ela tem boas chances de voltar para o Brasil depois de alguns anos.

Vista do skyline de Toronto, maior cidade do Canadá. Crédito: portal Canadá para Brasileiros
Vista do skyline de Toronto, maior cidade do Canadá.
Crédito: portal Canadá para Brasileiros

– De maneira geral, como você vê os brasileiros que tentam imigrar para o Canadá? É possível apontar diferenças entre os brasileiros e outros imigrantes no país?

Grande parte dos brasileiros que estão tentando imigrar estão desesperados, essa que é a verdade. São pessoas que estão extremamente insatisfeitas com o Brasil e perderam qualquer esperança em relação as melhorias do país.

A respeito dos brasileiros imigrantes aqui, eu não tenho muito o que falar pois nunca fiz parte da comunidade brasileira no Canadá e conheço muito pouco brasileiro aqui.

De onde surgiu a ideia do portal Canadá para Brasileiros? Como você vê o portal hoje e que tipo de feedback você tem recebido pela iniciativa?

Quando eu vim eu criei um blog para minha família acompanhar minha viagem e o blog começou a ter bastante acesso. Com o tempo eu recebia muito e-mails de pessoas pedindo ajuda e orientações e foi aí que resolvi criar um site para ajudar essas pessoas. Eu queria ter tido um site que tivesse me ajudado na minha viagem e não tive, então eu resolvi criar algo que pudesse ajudar as pessoas na mesma situação e ao mesmo tempo eu pudesse ganhar dinheiro e me sustentar com ele. E foi o que aconteceu.

Hoje em dia eu vivo do Canadá para Brasileiros e estamos cada vez mais ajudando milhares de pessoas que tem querem sair do Brasil e vir para o Canadá estudar, trabalhar e imigrar.

– Para encerrar: você voltaria a morar no Brasil algum dia? Por quê?

De forma alguma. Eu não tenho interesse algum em voltar a morar no Brasil. Se antes de morar no Canadá eu já me sentia daquela forma, imagina agora, depois de 9 anos morando aqui. Eu iria sentir muito mais as diferenças.

Eu gosto do meu estilo de vida, liberdade, segurança, tranquilidade que tenho aqui e não trocaria isso por nada.

- Advertisement -spot_img

8 COMENTÁRIOS

  1. Cara… vc tirou as palavras da minha boca! Moro também há uma década fora do Brasil (França) e nao voltaria a morar no Brasil por nada neste mundo!!! Agora estou pensando em imigrar para o Canadá afim de adquirir uma experiencia professional estrangeira e em inglês. Apesar de ser super facil p/ mim imigrar (passaporte frances) o seu site é uma mina de informações! Valeu, continue assim

    • Não por ter o passaporte francês vai ser mais fácil ficar no Canadá. Vai ter que cumprir os mesmos requerimentos que o resto das pessoas. Até agora não vi nada no site do governo do Canadá que dê preferencia a algumas nacionalidades.

  2. Parabéns pela reportagem e também quero parabenizar o Caio pelas matérias que constam no site. É excelente e tem me ajudado muito.
    Eu já tenho o desejo de imigrar para o Canadá desde minha adolescência, especialmente porque tenho familiares que moram lá, mas principalmente pela qualidade de vida que posso ter.
    Não imigrei ainda porque minha esposa não queria sair do Brasil, porém os últimos acontecimentos no país permitiram que ela pudesse enxergar algumas verdades e agora estamos começando a nos programar para este projeto.
    Sei que é um projeto de médio e longo prazo, especialmente porque tenho alguns negócios aqui no Brasil, mas já nos vemos lá, no futuro, criando nossos dois filhos.
    Abraços e continue sendo esta importante fonte de informação.

  3. Adorei a reportagem… Só incentivos para nós que queremos imigrar… Meu namorado e eu acabamos de receber o visto de residente permanente e em breve estaremos por ai… E como vc disse, é bom ter onde encontrar as informações necessárias!! Faz a diferença!!! Abs,

  4. Nascer no Brasil já é um castigo, agora continuar morando aqui é viver no inferno.
    Please, somebody help me !!!

Comentários estão desabilitados

- publicidade -

Últimas Noticías