Virada Feminista em São Paulo conta com atividade de mulheres migrantes

0
550
Crédito: Divulgação

Entre os dias 3 e 4 de setembro acontece em São Paulo a Virada Feminista, no Centro Cultural da Juventude, zona norte da cidade. Ela é organizada a partir da Marcha Mundial das Mulheres e da SOF Sempreviva Organização Feminista, que participa do programa Cultura Viva e é um ponto de cultura da cidade de São Paulo. Atividades de mulheres migrantes também estão na programação.

Pelo segundo ano seguido, a Equipe de Base Warmis promove atividades durante a Virada. Desta vez o coletivo é responsável pela Roda de Conversa: A Migração e as Mulheres, às 22h30 do sábado (3 de setembro) no Espaço Sarau do Centro Cultural da Juventude, que fica no bairro de Vila Nova Cachoeirinha.

O que é a Virada Feminista?

O evento é um esforço coletivo de mulheres militantes, artistas e artistas militantes para promover um jornada de 24h de cultura feminista. A ação tem como inspiração a resistência cotidiana das mulheres e contará com atividades de dança, cinema, teatro, literatura, internet livre, fotografia, zine, agroecologia, grafite e culinária.

As atividades estão concentradas no Centro Cultural da Juventude e vão das 18h do dia 3 de setembro às às 18h do dia seguinte, assim como na Virada Cultural. A programação completa pode ser consultada neste link.

Virada Feminista
Data e hora: Das 18h do dia 3 de setembro às 18h do dia 4 de setembro
Local: Centro Cultural da Juventude – Av. Deputado Emílio Carlos, 3641, Vila Nova Cachoeirinha, São Paulo (SP)
Informações: http://www.sof.org.br/viradafeminista2016/

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui