Em formato online, Fórum Fronteiras Cruzadas estende programação até março e une pesquisa e ativismo

0
286

Começa nesta terça-feira (24) a terceira edição do Fórum Internacional Fontié Ki Kwaze – Fronteiras Cruzadas. O evento visa ser um ponto de encontro entre qualquer pessoa interessada em pensar e atuar sobre os novos desafios para a garantia de direitos de migrantes, independente da origem.

Para este ano o tema do evento é “Migração Transnacional e Transformações Sociais”, que ganha ainda mais relevância em um contexto de pandemia como a da Covid-19.  Os debates oficinas e demais atividades visam criar espaços para promover a troca de saberes, ampliando redes e resistências locais e globais num contexto de migrações.

Até o mês de março devem passar pelo Fórum participantes e convidados de Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, México, Haiti, Trinidad e Tobago, Estados Unidos, Canadá, Angola, África do Sul, Guiné-Bissau, República Democrática do Congo, Senegal, Marrocos, Espanha, Rússia, Palestina e Síria.

A programação até dezembro pode ser vista na página oficial do Fórum. Em breve devem ser anunciadas as datas e atividades que ocorrerão até março.

Cruzando fronteiras em meio à pandemia

O Fórum foi mais uma iniciativa obrigada a rever sua programação e dinâmicas em razão da pandemia de Covid-19. Por esse motivo, todas as atividades ocorrerão em ambiente online, o que gera um desafio a mais para a organização.

“No Brasil, é uma batalha botar de pé um evento acadêmico internacional, ainda mais no formato virtual e em condições adversas. São ataques à ciência, desmonte de direitos trabalhistas e sociais, políticas de Estado racistas, criminalizadoras e desumanas. Por isso, nessa edição do Fórum, estamos apostando no trabalho em rede, buscando fortalecer a pesquisa interdisciplinar e atuação engajada com a transformação social”, comenta a advogada e pesquisadora-curadora do Fórum, Karina Quintanilha.

“Desta vez o evento vai ser maior ainda, vem crescendo. É importante a participação de todos os imigrantes”, complementa o ator boliviano Juan Cuscianki, também integrante da comissão organizadora.

Se por um lado a realização 100% pela internet limita a possibilidade de interação entre os autores, por outro também é um elemento que ajuda a cruzar certas fronteiras e permite a participação no evento independente do local onde estejam.

Sobre o evento

Fontié Ki Kwaze significa “Fronteiras Cruzadas” em créole haitiano e faz referência ao Haiti. Primeiro país a organizar uma revolução de escravos negros iniciada, em 1791, derrotou a exploração colonialista francesa e se tornou a primeira república independente da América Latina, em 1804.

O Fórum tem a coordenação geral do Prof. Dr. Artur Matuck (ECA/ PGEHA / Diversitas-USP), junto com a Profa. Dra. Vera Telles (FFLCH-USP), o Prof. Dr. Paulo Daniel Farah (FFLCH-USP / Diversitas / NAP-Brasil-África) e a Profa. Dra. Patrícia Villen (Núcleo de Pesquisa Abdelmalek Sayad), com curadoria da pesquisadora e advogada Karina Quintanilha (IFCH-UNICAMP / CDHIC). Também é constituído por uma ampla rede de pesquisadores das mais diversas áreas de atuação (Comissão de Organização e Científica), estudantes, assistentes sociais, advogados, coletivos de migrantes, espaços culturais, em estreita cooperação com grupos de pesquisa do Brasil e exterior, em especial na América Latina, Canadá e Europa.

A primeira edição ocorreu em 2017, nas dependências da ECA-USP (Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo). e contou com a cobertura do MigraMundo.

Programação

24/11, Terça, 15h-17h  WebConversation (Inglês): 
Studies in Migration – Études sur la migration Interdisciplinary / Research Group – Groupe de recherche interdisciplinaire

Convidados: Profa. Dra. Yana Meerzon (University of Ottawa)
Prof. Dr. Henry Daniel (Simon Fraser University, Vancouver).
Mediação: Prof. Dr. Artur Matuck (ECA-USP) e Daniel Perseguim (MOVITE-UFU). 

24/11, Terça, 20h-21h30 Conferência de Abertura (Português e Espanhol): Migração transnacional e transformações sociais

Convidado: Prof. Dr. Raul Delgado Wise (UAZ-México).
Mediação: Karina Quintanilha (Unicamp).
Debatedor: Dr. Luís Felipe Aires (PUC-SP).
Convidada especial: Hortense Mbuyi (Conselho dos Imigrantes – SP).

📲Transmissão e participação: https://bit.ly/3lv3hWt (YouTube @FronteirasCruzadas)

Programação gratuita até março de 2021, com emissão de certificados. Inscrições pelo site oficial:
http://www.fontieforum.org/forum2020-21/

Evento no Facebook: https://fb.me/e/1jcg5kiel

*Venha ser parte do esforço para manter o trabalho do MigraMundo! Conheça nossa campanha de financiamento recorrente e junte-se a nós: https://bit.ly/2MoZrhB

*Que tal receber notícias do MigraMundo diretamente em seu WhatsApp? Basta acessar este link e entrar em nosso grupo de distribuição de conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui