Campanha #UnaSolaFuerza é destaque na festa peruana Yunza em São Paulo

3
43
Yunza 2017 em São Paulo reforçou a campanha global #UnaSolaFuerza. Crédito: Rodrigo Borges Delfim/MigraMundo

Yunza 2017 uniu a rica cultura peruana à ação de solidariedade em prol das vítimas de desastres recentes no Peru

Por Rodrigo Borges Delfim
De São Paulo (SP)
Atualizada às 17h30 de 24/04/17

Peruanos, brasileiros e demais admiradores da cultura peruana em São Paulo tiveram dois grandes motivos para participar da sexta edição da Yunza, festa típica do país andino, no último domingo (23). Além das tradicionais atrações culturais (gastronomia, dança, música e artesanato), o público também pode contribuir para os esforços de reconstrução das áreas no Peru que foram atingidas recentemente por enchentes e deslizamentos de terra.

A festa, organizada pelo CDHIC (Centro de Direitos Humanos e Cidadania do Imigrante) e pelo Consulado Geral do Peru em São Paulo, trouxe um pedaço do país andino para o Centro Esportivo Tietê e também aproveitou para reforçar a campanha global #UnaSolaFuerza, em prol dos centenas de milhares de peruanos atingidos pelos desastres. Rifas especiais e determinados artigos à venda na festa tiveram a renda revertida em apoio à campanha.

“Mesmo longe, continuamos sendo peruanos. Estamos vibrando e trabalhando por eles, somos uma só força”, sintetiza a professora peruana Maria Cecilia Medina Flor, que vive há 10 anos no Brasil e atuou como voluntária durante a festa.

Além da mobilização na Yunza, o Consulado do Peru em São Paulo possui um conta aberta especialmente para receber doações dirigidas aos atingidos pelos desastres no país:

Banco Santander
Agência 4793
C/C 13000353-4
CNPJ: 04.776.393/0001-80 – Consulado Geral do Peru

Afirmação e resistência cultural

Pouco a pouco a Yunza se consolida como evento cultural em São Paulo. E para a produtora cultural peruana Tania Bernuy, eventos como esse ajudam a mostrar e a valorizar a diversidade existente na cidade, especialmente em um contexto onde sentimentos como a discriminação e a xenofobia ganham mais espaço.

“É a refirmação das culturas, do bem viver, do combate à discriminação, da mostra da diversidade que existe no mundo e também no Brasil. Com esta sexta edição da Yunza mostramos mais uma vez como somos povos resistentes e lutadores”, completa.

 

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.